16 novembro 2015

Estabe #02: Adeus á inocência

Image and video hosting by TinyPic


Título: Adeus à inocência
Autor (a): Drusilla Campbell
Editora: Novo Conceito
Sinopse: Madora tinha 17 anos quando Willis a “;resgatou”;. Distante da família e dos amigos, eles fugiram juntos e, por cinco anos, viveram sozinhos, em quase total isolamento, no meio do deserto da Califórnia. Até que ele sequestrou e aprisionou uma adolescente, não muito diferente do que Madora mesmo era, há alguns anos...
Então, quando todas as crenças e esperanças de Madora pareciam sem sentido — e o pavor de estar vivendo ao lado de um maníaco começava a fazê-la acordar —, Django, um garoto solitário, que não tinha mais nada a perder depois da morte trágica de seus pais, entrou em sua vida para trazê-la de volta à realidade. Quem sabe, juntos, Django, Madora e seu cachorro Foo consigam vislumbrar alguma cor por trás do vasto deserto que ajudou a apagar suas vidas?



"O que a vida espera da gente é um pouco de coragem".


Image and video hosting by TinyPic


    Tenho um certo quesito na minha escolha literária, costumo julgar antes um livro pela capa, não me levem a mal, sou uma pessoa que nutre uma pequena paixão por fotografia com o sonho de ainda ter um Canon t5i e sair fotografando tudo ao meu redor, e a primeira coisa ou talvez a maior coisa deste livro que me encantou foi a capa e a frase de impacto "o que a vida espera da gente é um pouco de coragem". Neste momento acreditei que estava diante de uma grande estória. 

    O livro começa nos mostrando duas passagens de tempo um antes e o presente, nesse antes somos apresentados a Madora, uma adolescente cheia de conflitos internos, confusa e trauma desde o suicídio de seu pai e sua mãe não conseguiu superar se tornando fria e ausente na vida da filha. Madora cresceu rebelde e começou a negligenciar os estudos a se envolver com drogas, bebidas e festas. Nessa noite ela foi "resgatada" por Willys que a tirou de todos os problemas levando-a morar com ele no deserto na Califórnia.

   Passado 05 anos que tudo aconteceu, se inicia uma nova etapa no livro vemos a nova e atual vida de Madora, longe de todos os seus problema, o livro começa a relatar a vida conjugal de Madora e Willys, que se torna uma submissa mulher a ele sem questionar nenhuma de suas atitudes, até quando Willys traz no meio da noite uma jovem grávida chamada Linda para morar no trailer do quintal da casa deles. O cotidiano de Madora é um tanto que tediosa, submissa a Willys é encarregada a cuidar da casa e de Linda, que demonstra ser bem rebelde.

   Em outra parte da história, temos capítulos narrados por Django um adolescente de 12 anos que récem perdeu os pais em um acidente de carro e se ver obrigado a morar com sua tia, Django é o que se chama de garoto com a vida perfeita, seu pai é um astro do rock, sua mãe era perfeita em sua visão, uma linda casa, belos carros, melhores amigos em um colégio particular e tudo isso acaba com a morte dos seus pais, Django então tem que aceitar uma nova vida com menos luxo e com o decorrer da estória seu caminho se cruza com o de Madora, levando cada um a refletir sobre suas escolhas e o futuro.


Image and video hosting by TinyPic

A narrativa do livro flui de forma gostosa, mesmo que a estória contenha um enredo fraco, a autora teve todo o cuidado de nos contar cada pensamento dos personagens  e evidenciar o passado de cada um, algumas partes foram frustrante a sensação de esperar uma atitude dos personagens e ela ser adiada. Me senti angustiada sobre a relação de Madora e Willys em ver ela ter que depender dele, um pervertido no sentindo de querer tomar conta de meninas frágeis como Madora e Linda, essa parte é um quesito que a autora explica o porque dele ser assim, como disse acima é uma leitura que flui, todo o drama da estória é moderado e a aquele desejo de saber como tudo termina e se termina, além de conter cenas explícitas de agressão física e verbal.

É uma estória tranquila sem muito ação e movimento, não há muito o que se esperar porém é uma narrativa tensa, carregada de experiências e traumas do passado que afeta o presente de cada personagem, o mais interessante é ver a preocupação da autora em relatar o passado e tirar qualquer dúvida que haja no pensamento do leitor a respeito do comportamento de cada personagem, portanto devo concluir que é uma leitura boa e recomendável a quem deseja algo mais próximo da realidade.

Avaliação: 
Image and video hosting by TinyPic

Acompanhe o blog nas redes sociais:



13 comentários:

  1. Gostei da história ! Quero lê

    Beijos,
    www.thalitamaia.com

    ResponderExcluir
  2. Oi Bela, tudo bem?
    Confesso que não gosto muito de ler, não tenho esse hábito mas achei a história super legal.
    Beijinhos ♥
    http://www.alecanofre.com/
    https://www.youtube.com/alecanofremakeup/

    ResponderExcluir
  3. a historia parece um pouco parada né? :/
    www.byanak.com.br

    ResponderExcluir
  4. Adorei a resenha, gosto tb de ler histórias mais reais

    Bjss

    Linda Menina

    ResponderExcluir
  5. Gostei da resenha.
    A história parece ser boa até certo ponto, mas talvez um pouco monótona.
    Lendo essa resenha, preciso voltar a ler jááá!

    ;* Beijo!
    www.rabisqueimeuhorizonte.com.br

    ResponderExcluir
  6. Eu amoo ler Thais! Adorei a resenha, adoro um drama romântico ;)

    Beijãao,
    http://www.chrisbrandelero.com/

    ResponderExcluir
  7. Amei a resenha.

    http://alinesecretplace.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  8. 'O que a vida espera da gente é um pouco de coragem' como assim vey? Que frase TOP é essa? Ja amei esse livro antes mesmo de ler. Beijos

    www.sahsant.blogspot.com

    ResponderExcluir
  9. Eu cansei de livros com mulheres frágeis. Agora quero ler livros com mulheres poderosas. A capa é muito linda mesmo. Bjus!

    galerafashion.com

    ResponderExcluir
  10. Ai, adoro livros com estórias tranquilas e tal...Dá pra gente esquecer um poucos os problemas e dar uma relaxada, né?

    Vou anotar aqui na minha listinha!!! haha

    Bjs, lindona!!


    www.ahfofa.com.br

    ResponderExcluir
  11. Uoooou. Eu já estava achando que seria um romance e puf, me vem essa resenha e eu fico tipo OMG :o
    hahahaha deu vontade de ler!

    www.itszabella.com

    ResponderExcluir
  12. Oi Thays !!
    Eu também sou dessas que escolhe livros pela capa, fazer o que ?? rsrs E compartilhamos o mesmo sonho de ter uma t5i *-* (seria perfeito)
    Mas voltando ao livro, parece uma história um pouco parada mas até que gostei hehe
    Bjim

    blogpatyrezende.blogspot.com

    ResponderExcluir
  13. Eu vi esse livro no instagram de alguém esses dias, mas não me chamou muito atenção. Totalmente ao contrário de você (não me mate, por favor) não gostei muito da capa, me remeteu aos livros do Augusto Curry, esses de auto ajuda que eu não gosto nem um pouco. Mas me surpreendi com sua resenha, a história é muito instigante. Me lembra bem DE LEVE a história de a cidade do sol de Khaled Hosseini que é um livro muito bom.
    Vou procurar mais sobre ele no skoob <3

    www.vodkaescarpin.com.br

    ResponderExcluir

© Caprichadissimas 2014 - 2016. Todos os direitos reservados | Tecnologia do blogger | Feito por: Thay Rodrigues ♥